Verde e frutas no condomínio

Vale a pena avaliar se árvores frutíferas podem ser uma opção ao escolher o que plantar em áreas do prédio

É inegável que ter árvores plantadas nos condomínios ajuda a elevar a qualidade de vida e a saúde dos moradores, principalmente em grandes metrópoles como São Paulo. E se, além do verde, a opção for considerar árvores frutíferas, os benefícios podem ser ainda maiores. É só escolher com cuidado, levando em conta fatores como espaço, tamanho ou tipos de frutos.

Segundo Antônio Jorge Neto, diretor de administradora de condomínios, antes de qualquer coisa é importante que seja chamado um profissional do ramo para que não ocorram situações como crescimento além do limite, acidentes ou incidentes com os condôminos.

“Em caso de queda das frutas, entendo que o condomínio não tenha responsabilidade sobre o fato, pois é a natureza. No meu caso, tenho um abacateiro na entrada e saída da garagem de um condomínio. Nessa época é complicado, pois o fruto cai apesar da árvore estar sempre podada e a colheita da fruta ser realizada”, explica.

Manter as árvores devidamente podadas é essencial se ter esse tipo de vegetação no prédio, assim como colher os frutos grandes, indicar aos condôminos sobre os riscos de estacionar os carros embaixo e pedir que eles avisem suas visitas. Se possível vale deixar um recado nas áreas comuns do condomínio.

Como escolher – O engenheiro agrônomo Luiz Otávio Figueiredo explica que o ideal é que sejam plantadas árvores de frutos pequenos, que não causem prejuízos caso ocorram quedas. Frutos grandes podem machucar os moradores que estão passando, principalmente as crianças, que costumam brincar perto das árvores e são mais frágeis.

“Os fruto pequenos não causam nenhum tipo de prejuízo, eles podem cair sem machucar ou amassar algo que esteja embaixo. Frutos mais moles também são interessantes, como jabuticaba, acerola e carambola. É importante também lembrar de escolher frutos que não soltam tanta tinta em seu líquido, pois podem manchar o chão”, afirma.

Para colher bons frutos

  • Árvores frutíferas, além de colaborar com o meio ambiente, também ajudam o ecossistema ao levar alimento às aves
  • É importante chamar um especialista antes de partir para a plantação, assim será possível considerar tamanho da árvore e peso dos frutos, entre outros fatores
  •  Manter as árvores sempre podadas e realizar a colheita sempre que necessário é essencial para evitar acidentes

Fonte: iCondominial