Sala de estudos: design a favor do prático e funcional

A sala de estudos em casa deve ser agradável e, ao mesmo tempo, funcional.

salaO ambiente reservado para o estudo em casa deve ser agradável e, ao mesmo tempo, funcional. O projeto arquitetônico precisa ser adequado para auxiliar de maneira prática, mas sem esquecer a estética. “Pode-se criar um ambiente integrado com uma sala ou dormitório, de forma que fique limitado apenas por uma divisória, ou destinar um cômodo específico para essa finalidade”, diz o arquiteto Daniel Ribeiro, gerente de projetos da Cinex. A sala de estudos é um ambiente que vem sendo cada vez mais projetado nas residências.

O tamanho da sala de estudos deve ser adequado às necessidades de cada um, mas é importante ser suficiente para organizar os materiais. Para ambientes compactos, as portas com sistemas deslizantes são mais indicadas, tanto nos móveis quanto nas divisórias, pois garantem um melhor aproveitamento do espaço.

Já para os mais amplos, onde é possível projetar uma biblioteca, pode-se aplicar portas de giro ou deslizantes, com vidros translúcidos ou transparentes, que valorizam e expõem o acervo completo de livros.

Para os armários, o alumínio garante um visual moderno e contemporâneo e o vidro possibilita uma infinidade de opções. Ribeiro destaca que o uso de alumínio e vidro amplia as soluções dos projetos e permite a utilização de portas de até três metros de altura.

Outro aspecto que precisa ser valorizado é a cor certa que deixará mais evidente a característica pessoal e trará a conseqüente afinidade com o espaço. Para escolher as cores apropriadas, deve-se observar as características de cada tendência. As cores neutras trazem o conforto, os vidros acetinados atenuam os reflexos das luzes, já os incolores ou translúcidos permitem uma melhor visualização e protegem contra as ações do tempo.

Fonte: ImovelWeb