Quer esconder o piso frio? Saiba como

Há maneiras de mudar o visual do ambiente sem a necessidade de quebra-quebra

piso

Você já se cansou de ter piso frio em casa ou está na hora de trocar, mas você não está com dinheiro, tempo ou paciência para encarar uma reforma? Pois saiba que há maneiras eficientes e mais econômicas de cobrir o piso.

Para a arquiteta Laurimar Coelho, a forma mais barata é recorrer a um bom tapete. Com a variedade de modelos disponíveis no mercado, é possível escolher aqueles que combinem com a decoração e que caibam no seu bolso.

Algumas lojas oferecem tapetes modulares, que são placas de 30 cm x 30 cm, que podem ser costuradas de acordo com as medidas do ambiente. Dessa maneira, é possível cobrir toda a área do piso com as cores, estampas e materiais que escolher.

Outra opção é o piso laminado. As tábuas são bem finas e podem ser coladas. “Mas é muito importante lembrar que haverá uma sutil elevação do piso, o que significa que portas terão de ser ajustadas e, na ligação com outros ambientes, pode surgir um pequeno degrau, o que não é bom”, alerta Laurimar.

A arquiteta lembra que há uma infinidade de opções quando o assunto é piso. “Há os laminados, os vinílicos, o carpete de madeira etc.”, explica.

O carpete de madeira é uma folha de madeira natural, bastante fina, colada e prensada a uma base de madeira processada. É bem mais fino do que os pisos de madeira maciça e tende a gerar ruído quando caminhamos sobre ele. “Além disso, oferece baixa resistência à água”, salienta.

De acordo com Laurimar, o piso laminado é muito similar ao carpete de madeira – o sistema de aplicação e a base são bastante similares. A grande diferença, no entanto, diz respeito ao revestimento final, a superfície em que o usuário pisa.

Enquanto no carpete de madeira o acabamento é em folha de madeira, o piso laminado é revestido de algo chamado laminado melamínico. A resistência deste produto é maior.

O piso vinílico também pode ser aplicado sobre o piso existente. Com apenas 3 mm de espessura, não causa grande alteração no nível. Há diversas cores disponíveis no mercado, sendo que alguns modelos são estampados e outros até imitam pisos de madeira.

Outra saída para evitar a quebradeira é a pintura com tinta epóxi – um tipo de tinta mais espessa e resistente, desenvolvida à base de uma resina. Ela pode transformar qualquer tipo de piso: taco, cerâmica e até carpete de madeira. Se a decoração tiver estilo rústico, é possível até aplicá-la diretamente sobre o contrapiso.

Fonte: ZAP Imóveis