iTela: uma facilidade na comunicação entre administração e condôminos

Monitores touchscreen mostram avisos mais importantes e permitem interação do morador com a portaria

Tempos atrás, para organizar o fluxo de informações dentro de um condomínio, os murais e as correspondências eram ferramentas muito importantes. Hoje, porém, em um mundo em que estamos conectados quase 24 horas por dia, é natural que a tecnologia ganhe espaço na comunicação condominial.

Desenvolvido há algum tempo, o conceito iTela saiu do papel e tem conquistado espaço em condomínios com uma solução eficiente: mostrar as notícias úteis do local em telas espalhadas pelas áreas comuns. É um verdadeiro mural digital do condomínio.

De acordo com Gilberto Monteiro, da Troad Tecnologia, coordenador da unidade de negócios da Athos e responsável pela implantação da aplicação, a demanda pelo iTela se deu com a observação das atividades diárias dos condomínios.

“O  iTela veio atender uma necessidade de comunicação das atividades, como notícias e dicas, assim como mostrar aos moradores as reservas feitas nos ambientes do condomínio”, explica.

O funcionamento da aplicação é prático: um monitor touchscreen é instalado e integrado a um módulo operacional. A partir daí, as telas replicam as informações geradas internamente de maneira instantânea e segura.

“Ter a informação em tempo real e com a segurança da aplicação que controla os dados é fundamental para evitar problemas operacionais ou de segurança, além de proporcionar ao condômino a facilidade de acompanhar informações sem ter que acionar um agente de segurança ou da administração”, pontua Monteiro.

Funções do iTela – Disponível, inicialmente, para quatro diferentes ambientes do condomínio, a aplicação pode ser colocada no hall de entrada e permite ao condômino ter acesso às notícias gerais do local, visualizar e trocar recados com a portaria (no caso de tela touchscreen), reservar salão de festas, quadra e afins, ter acesso ao histórico de entregas recebidas, agendar mudança e até saber quais são os estabelecimentos chave, como restaurante, padaria, lavanderia, açougue, entre outros, que estão próximos.

Na garagem, por exemplo, há duas opções. Na entrada, o morador é saudado pelo nome e avisado sobre alguma correspondência ou encomenda registradas para retirada na portaria. Na saída, há indicação do trânsito nas vias próximas ao prédio e avisos de segurança.

Já como no quadro geral de avisos, o morador recebe mensagens corriqueiras e relativas, tais como falta de água, interdição de alguma área, portão com defeito, entre outras.

Resultados práticos – Síndico de um condomínio na zona sul de São Paulo e usuário há mais ou menos um ano do sistema, Alessandro Paris diz que instalou o iTela para que servisse como fonte de informação aos condôminos e acabou solucionando um ponto de atrito entre os moradores: a reserva da quadra de tênis.

“Os usuários da quadra de tênis faziam reserva através do site do condomínio e acabavam sempre entrando em atrito uns com os outros. Antes, tínhamos que intermediar algumas discussões de moradores que faziam reserva, mas não a respeitavam. Agora, com o iTela, a informação fica à disposição de todos a todo momento. Isso traz maior transparência à gestão e tranquilidade aos usuários”, exemplifica.

Entendendo o sistema

  • O iTela foi desenvolvido para atender e facilitar a demanda de comunicação entre condomínio e moradores
  • As informações são fornecidas por administração e portaria
  • No iTela, com a tela touchscreen é possível fazer desde reservas do salão de festas até encontrar listas de estabelecimentos próximos e  informações sobre o trânsito em volta do condomínio.

 

Fonte: ICondominial