Inadimplência é problema para condomínios

Comparado com o ano anterior, o número de inadimplentes quase dobrou

Dados obtidos em pesquisa realizada pelo Secovi relevam que, em alguns casos, a Justiça tem que ser acionada. Além disso, problemas de comportamento também geram dores de cabeça, como animais de estimação e barulho além do horário permitido.

Tratando-se de inadimplência, se for necessário, os síndicos podem procurar o Secovi, que encaminha a pendência para que o Juizado Especial regularize a situação. Acordos também podem ser feitos. Por exemplo, o condomínio abre mão de receber o valor total da dívida e recebe as parcelas definidas no tribunal, que já ajudam nas despesas da administração.

De acordo com a visão de especialistas no assunto, a parte comportamental é a mais difícil de ser resolvida, pois a pessoa que se incomoda acha que o direito dela prevalece ao direito dos outros. Também é importante perceber quando o problema deixa de ser do condomínio e torna-se pessoal. O essencial é que síndicos e moradores tratem as situações com respeito e educação, sempre lembrando dos direitos e deveres de cada um.

Fonte: G1