Edifícios devem ficar atentos às instalações de gás

Instalações incorretas de aquecedores podem deixar todos os vizinhos sem gás, prejudicando vários quarteirões, além de causar sérios danos ao equipamento.

O alerta é da Companhia Distribuidora de Gás do Rio de Janeiro (CEG), que realiza uma força-tarefa para evitar as instalações de aquecedores invertidos nas residências onde há consumo de gás.

Segundo a companhia, o número de incidentes desse tipo vem crescendo hoje e é causado principalmente por instalações incorretas entre conexões de gás e de água.

O  papel dos gestores de condomínios, garante a CEG, é fundamental na conscientização sobre esse tema. Confira e divulgue as orientações básicas para a instalação e manutenção dos equipamentos a gás:

Para o morador

Escolha sempre um profissional qualificado para fazer a instalação do seu aquecedor.

Pode haver diferenças entre os equipamentos, portanto fique atento aos pontos de instalação: gás com gás, água fria com água fria e água quente com água quente.

Em caso de dano, feche imediatamente as entradas de água e gás de seu imóvel. Em seguida, ligue para 0800-024 0197.

Para o instalador

Verifique, na parede de instalação, os pontos de saída de gás e água fria e a entrada de água quente.

Observe, no aquecedor, os pontos de entrada de gás e água fria e a saída de água quente, prestando atenção às etiquetas fixadas próximo às conexões do aquecedor.

Conecte os flexíveis correspondentes nos pontos de água e gás em espera (parede da instalação).

Com o aquecedor devidamente fixado, conecte os flexíveis nas conexões do aquecedor correspondentes.

Fonte: Secovi Rio