Condomínios precisam se adaptar para cumprir a nova lei antifumo

Fumar em locais públicos fechados como salões de festas e garagens cobertas é proibido desde o começo de dezembro do ano passado

Os condomínios de todo o pais estão tendo de se adaptar para cumprir a nova legislação antifumo, válida desde o dia 3 de dezembro do ano passado para todo país. Com isso, passam a serem proibidos os chamados fumódromos, assim como fumar em locais públicos e fechados, tais como garagens cobertas, salão de festas e outros espaços de um condomínio.

“Os condomínios precisam se adequar à lei, sob pena de serem multados”, disse Julio Herold, gerente regional de condomínios da Auxiliadora Predial,  uma das maiores administradoras de condomínios do país. Mais que isso, o executivo lembra que é papel do condomínio fazer com que a restrição seja cumprida, tendo, para isso, que rever o regulamento interno, realizar assembleias, elaborar atas e comunicados internos.

Para Herold, nas áreas abertas, como piscinas, quadras esportivas, não é probido por lei, mas em assembleia é possível optar por estender a proibição a todas as áreas do condomínio. Desde que a informação seja colocada em placas sinalizadoras.

Fonte: www.auxiliadorapredial.com.br