Como evitar o mofo em banheiros

Deixar toalhas e tapetes úmidos é um dos grandes causadores do mofo, além da falta de ventilação dentro do banheiro

O mofo é uma espécie de fungo que adora ambientes úmidos e menos iluminados. Além do aspecto visual ruim que ele deixa em paredes, tetos, pisos e azulejos, o mofo pode trazer problemas para a saúde. Quando encontrado nos espaços já citados, além de móveis e roupas, pode até causar doenças respiratórias como a asma e a rinite.

Por estar constantemente úmido, o banheiro é um local de fácil aparecimento do mofo. O teto é um dos locais mais propícios ao seu acúmulo devido ao vapor proveniente do banho.

Mas você sabe como se livrar desse visitante indesejado? Com as dicas abaixo seu banheiro irá ficar livre do mofo em poucos passos:

Cuide da ventilação do ambiente

O banheiro é um dos locais que possuem menor ventilação dentro de casa, pois geralmente possui apenas uma janelinha. Procure manter sempre que possível a janela e a porta abertas, principalmente após o banho para que o vapor do chuveiro se dispersar rapidamente.

Evite a umidade nos armários

A umidade presente no banheiro entra também dentro dos armários e gavetas do cômodo. Evite guardar roupas e objetos molhados dentro desses locais. Uma boa dica caseira é colocar giz branco, aquele usado nos quadros das escolas, dentro desses locais. O giz consegue absorver a umidade, evitando o mofo.

Verifique o giz periodicamente, e troque sempre que estiver muito úmido.

Limpe as áreas com mofo

limpar azulejoO mofo se prolifera rapidamente, portanto, sempre que observar pequenas manchas ou aquele odor característico, realize a limpeza do local. Para os azulejos esfregue limão na superfície e rejuntes, deixe agir por alguns minutos e enxágue. Se você utiliza cortina no box, deixe-as de molho em uma solução com 1 litro de água e 4 colheres de sal, até as manchas sumires, depois lave-as normalmente. Também é possível usar produtos de limpeza próprios para esse fim.

Não deixe toalhas e tapetes úmidos

Esses itens costumam ficar constantemente dentro do banheiro e podem contribuir para o aparecimento de mofo em armários, azulejos e rejuntes. Retire sempre as toalhas úmidas do banheiro colocando-as para secar em local arejado e mantenha os tapetes secos.toalha molhada no banheiro

Verifique as infiltrações

Se o aparecimento de mofo for constante em locais como os azulejos ou próximo a torneiras e chuveiro, seu banheiro pode possuir infiltrações. Se esse for o caso, procure resolver o problema rapidamente, pois além do mofo, a infiltração pode causar problemas estruturais no cômodo.

Impermeabilize e utilize tinta antimofo

A impermeabilização é uma solução para impedir o aparecimento de mofo em locais muito expostos a umidade. Se sua casa está em construção ou irá passar por uma reforma, essa é uma boa opção para evitar o surgimento de mofo. Já a tinta antimofo deve ser utilizada da mesma forma que a tinta comum, sendo sua única diferença o fungicida.

Prevenir o aparecimento do mofo e tratar a área afetada logo no início do problema é a melhor solução para evitar transtornos e gastos desnecessários. Fique de olho no seu banheiro, piso, azulejos, armários, teto, box e nas regiões próximas a ralos e torneiras para dar fim ao mofo e não deixar que ele se prolifere.

Fonte: Imóvel Web