As plantas e os cuidados no inverno

Menos água para plantas em ambientes internos

No inverno, as pessoas correm às lojas para comprar artigos que ajudem a combater o frio. Os moradores que têm plantas em casa também devem dedicar cuidados especiais para que elas cheguem inteiras à próxima estação. Rafael Goelzer, diretor da Quinta da Estância, empresa que estuda as mudanças climáticas, reconhecida pela ONU, deu dicas de como mantê-las protegidas. Algumas espécies, incluindo as flores, sentem mais a chegada do frio, outras, como o ipê roxo, pata de vaca, primaveras, camélia, azaléia e gardênia são mais fortes e ficam até mais bonitas no inverno, explicou Goelzer.

O processo da maioria das plantas é o mesmo, no inverno costumam perder as folhas, entrando em um estado semelhante à hibernação. Nesse período, elas diminuem a velocidade de crescimento para acumular energia e voltar saudáveis na primavera.

Seja qual for o estilo de planta que você tem na sua casa, apartamento ou jardim, alguns cuidados são essenciais. As dicas, segundo Goelzer, “são simples, fáceis de adotar e importantes para a sobrevivência e bem-estar da natureza”, contou.

Cuidados básicos

Podar, adubar e proteger cada uma delas conforme suas necessidades é o primeiro passo.

Plantas de dentro

A água deve diminuir para plantas que vivem em ambientes internos, como apartamentos ou o interior das casas. Não é para deixar de regar, mas diminuir a quantidade, pois água em excesso pode favorecer o desenvolvimento de fungos. O substrato deve ser colocado a cada 90 dias para a maioria das plantas. As de vasos precisam ser adubadas mais vezes. Neste caso, como o espaço para desenvolvimento da planta é menor, os cuidados precisam redobrar no inverno.

Plantas de fora

As plantas que vivem no lado de fora das residências, necessitam de uma maior quantidade de rega, pois a estação do frio normalmente é a menos chuvosa do ano. É preciso tomar cuidado com os fungos que se proliferam no frio, principalmente, com um inverno chuvoso e com muita serração.

Crisântemo

A temperatura deve estar entre 17 e 28ºC. O local precisa estar arejado e não é recomendável molhar suas flores e folhas, apenas a terra.

Tulipas

Adoram o inverno. Locais com pouca umidade costumam queimá-las.

Azaléia

Costumam florir no inverno. Pode ser usada em canteiros ou como planta de vaso.

Cuidados gerais

O proprietário da Quinta da Estância sugeriu muito cuidado no inverno no caso das flores delicadas. “O ideal é cobri-las com folhas e galhos, isolando-as termicamente, bem como regar as plantas apenas quando a terra já estiver seca”, orientou.

Fonte: Folha do Condomínio