4 bons motivos para apostar na energia solar

Redução dos custos das energias renováveis

Os custos dos sistemas de energia solar para residências continuam a cair. Há apenas cinco anos, o preço por megawatt-hora da energia solar era mais do que seis vezes maior do que o da hidrelétrica e o triplo da eólica. Na última década, o preço dos equipamentos caiu 70% no mercado global. Isso fez com que a análise do custo-benefício do investimento em energia solar mudasse significativamente ao longo dos últimos anos e estimativas do setor indicam que, até 2050, a fonte deverá corresponder a 13% de toda a energia produzida no Brasil.

Manutenção mínima

O sistema de energia solar conectado a rede não possui partes móveis, engrenagens ou motores, reduzindo a necessidade de manutenção. Basta que realizar a verificação de conectores e equipamentos, além das limpezas anuais, quando houver acúmulo excessivo de poeira ou resíduos. A própria água da chuva já se encarrega de uma limpeza recorrente.

Incentivos fiscais

A tendência é surgirem incentivos fiscais do governo brasileiro para quem usa energia solar. Desde dezembro de 2012, os brasileiros podem gerar energia solar em suas próprias casas e receber descontos na conta de luz paga às concessionárias graças à Resolução Normativa 482 da Aneel.

Através desta resolução, todo o excedente de energia solar gerado pelo sistema instalado numa residência ou negócio será injetado na rede elétrica e devolvido para o consumidor em créditos na conta de energia. A iniciativa é válida para geradores que utilizem fontes alternativas de energia, como painéis solares, pequenas turbinas eólicas etc.

Veículos elétricos em alta

Com a popularidade crescente das bicicletas e carros elétricos, cada vez mais condomínios estão investindo em energia solar para alimentar não só a casa com eletricidade gerada pelas placas solares, mas também suprir o carregamento das baterias destes veículos.

Fonte: condominiosverdes.com.br